quinta-feira, dezembro 06, 2007

Eu vi Closer na televisão...

by.Queiroz


...e me perguntei ao concluir: Que p#rr@!!! Quem escreveu o roteiro? O argumento? Um fetishista? Sei lá? Só sei que Natalie Portman é demais. Ela é tudo que eu quero em noites de solidão. O filme é interessante em certos pontos, é verdade. Tem dialogos bons em certos momentos. Achei um primor a passagem brusca de tempo sem aviso, só identificada nos dialogos. A pegadinha do Jude Law no Cliven é boa. Eu mudei de canal nessa hora do msn, Eu pensei: Iiiiiiiiih!!!. E mudei de canal e estava passando um filme brasileiro de surf. Depois voltei ainda estava a conversa. Voltei mais uma vez e estava o final da conversa da Julia Roberts com o Cliven. Uma pegadinha!!! Muito legal. Devem ter rido alto no cinema. A Natalie Portman é muuuuuito gostosa. Vou viajar para Inglaterra, quando puder. Brincadeira, é ficção. Mas, legal. O chato do filme é o papinho programa da tarde que Vc tem um problema?. Isso que mata. O final em que a Natalie confessa a “infidelidade”, é chato. Aquela parada: Mulher trepa mesmo, e daí, todo mundo sabe... Por aí. Se fosse um autêtico pornô, teria uma cena com todos os 4 juntos, menage à troi, à quadroá, ou sei lá. Que m#rd@!!!. Por aí. Eu quero a Natalie Portman. Julia Roberts é tão sem graça nesse filme. Quero ver a Linda Mulher. Linda, linda. Mas, sem graça. Ela de prostituta é mais legal. Quem paga caro só para ver num bordel? Vc acha que a Natalie realmente transou com o Cliven? Sei laááááá!!!! I’m can take my eyes on you!!!! Ana Carolina canta em português essa música. Natalie, Natalie, Natalie...

p.s. texto escrito ontem briaco e irritado com a internet com defeito.

1 Comments:

Anonymous QUEIROZ said...

Eu vi uma auto referencia da Julia, na parte em que ela diz: "Já apanhei antes". Dormindo com o Inimigo, a Jujuba abanho, tadinha. Beijo p/passar.

12:36 PM  

Postar um comentário

<< Home