terça-feira, maio 29, 2007

Temos imagens e não estamos de sacanagem.

by Queiroz





A notícia assim digamos...mais inútil ligada à cultura “inútil”, foi a que li nesse fim de semana num site de cinema, quadrinhos, etc. Que um grupo de feministas teria ficado ofendida em ver uma estatueta da personagem Mary Jane com uma calça ala-popozuda. Leiam só o seguinte protesto:

"Se você fosse escolher uma pose do Homem-Aranha para transformar em estátua, seria ele agachado no chão arrumando a pia da cozinha? Dificilmente. Então por que Mary Jane, uma das primeiras mulheres nos quadrinhos a manter seu nome depois de casada, e que ganhava mais que o marido, teve escolhida como sua representação mais icônica uma cena em que ela lava roupa? E, claro, já que é impensável fazer uma estatueta sem apelo sexual, naturalmente ela está lavando roupa com a calcinha aparecendo e um decote considerável", comentou a fã Elizabeth McDonald, representante da organização girl-wonder.org, que defende a representação justa do sexo feminino nos quadrinhos, ao Toronto Star.

Agora vejam a imagem da Marvette que está com tudo encima, mesmo depois de muito tempo de casada:




O criador dessa maravilha disse o seguinte:
- "Minha idéia era bem simples. Eu pensei na Mary Jane clássica, da época em que ela e Peter eram namorada e namorado, e ela acaba de descobrir o uniforme dele no balde de roupa suja. É aquele segredinho que o casal mantém entre si e é descoberto. Pra mim, tinha a piada deste ser o momento em que Mary Jane descobria que seu namorado é o Homem-Aranha. Ela não está lavando roupa, porque não conheço ninguém que lave roupa num balde sobre a mesa. Mesmo se você não tiver uma máquina de lavar, você lava a roupa na pia. A estatueta é de MJ vendo algo no balde, tirando de lá e perguntando 'O que é isso?', com um olhar pra Peter." comentário do designer da estatueta, Adam Hughes.


E aí Queiroz?
O que acho ? Bobeira o protesto. Por 2 motivos bem simples. Essa é a Mary Jane original. No filme há uma versão dela mais romantica mais quem é leitor das antigas que nem eu das revistas do Aranha sabe que ela é assim mesmo. E quer saber mais? Eu teria chamado a própria Kristen Dunst para ser a modelo. Vejam que ela não iria fazer feio de jeito nenhum. Coisa linda:










Atendendo à pedidos de Ju e Aninha, uma foto do J.Depp:

Vc gosta do Robert Rodrigues e tb do Tarantino? Sim?! Então fique feliz, pois "Planeta Terror", do Robert Rodrigues, acaba de ganhar data de lançamento no Brasil. O blog da distribuidora Europa Filmes deixa recado que o diretor estréia em 6 de julho. Já "À Prova de Morte", o longa de Tarantino, primeiro passará no Festival do Rio e na Mostra de Cinema de São Paulo, entre setembro e outubro. Era para ser na verdade uma sessão dupla simulada como foi lá nos States, algo que eles chamam de Grind House, só que os lançamentos dos filmes serão em separado por motivos comerciais. Quer entender do que se trata? Assista ao trailler:

8 Comments:

Blogger Ju*estrela* said...

Ahhhhhh...
quero ver o J. Depp aqui sim. =P
protesto! não custa nada né?! rs*

PS.: Tomou café lá na comunidade?

BeiJus* querido

2:17 PM  
Anonymous Ana said...

Eta, que discussão mais boboca acerca da M.J! Ninguém tem mais nada com o q se preocupar não?
E junto aqui meu protesto, abaixo assinando em conjunto com ju*estrela*, pela foto do Depp aqui no Escritos!
:-D
bjo

5:23 PM  
Blogger k.ee.sa said...

Falando nisso:
http://www.youtube.com/watch?v=4yx25DSt-rg
Já viu? É genial!
"Tarantino's Mind". Um curta com Selton Mello e Seu Jorge. Fodíssimo.

Estou em outro endereço: k-issa.blogspot.com
Só agora notei que não tem nada dizendo que me mudei.

7:36 PM  
Blogger Ju*estrela* said...

Aê... temos (eu e Ana) a força! rs*
J. Depp... =D
Valeu Queiroz!
Um beijo estrelado pra vc depois de ter atendido ao nosso pedido. hehe

5:57 PM  
Anonymous Ana said...

hahahaha Que ótemo! Obrigada pela foto, Queiroz!
Amo este filme, "Edward, Mãos de Tesoura". Sem dúvidas consagrou o Depp, vcs não acham?
Sobre os 2 filmes, Queiroz, até que eu gosto de Tarantino... Mas não agradei do estilão dos 2 lançamentos que vc postou aí não... :-P Forçado demais, né não?
bjs

11:40 PM  
Anonymous QUEIROZ said...

Bem, Aninha, o lance do Taranta é esse mesmo, homenagear os filmes empoeirados da locadora onde ele trabalhava. Kill Bill é um kung-fu com fotografia, edição, investimento e atores de primeira. Só que não deixa de ser um filme de kung-fu. Eu adoro, morro de rir com esses filmes.

Beijos K-íssa, Aninha e Ju, minhas leitoras fieis.

11:13 AM  
Blogger Уasmin said...

pode começar a mandar beijos pra mim tb
serei uma leitora fiel

e não são desilusões...apenas verdades :)

1:53 PM  
Anonymous QUEIROZ said...

Seja bem vinda então Yasmin.

Beijos

6:25 PM  

Postar um comentário

<< Home